VIABILIDADE ECONÔMICA DO TRANSPORTE RODOVIÁRIO DA SOJA PRODUZIDA NO ESTADO DO PARANÁ PARA PEQUENOS E MÉDIOS TRANSPORTADORES

João Candido Pereira de Castro Neto, Norieo Rudek

Resumo


O artigo oferece uma análise da viabilidade econômica do
transporte rodoviário da soja produzida no Estado do Paraná
para pequenos e médios transportadores. Analisaram-se as
alternativas de investir em um dos três equipamentos mais
utilizados nessa atividade para dedicar-se ao transporte
rodoviário da soja ante a opção de aplicarem-se os recursos no
mercado financeiro. Projetaram-se os fluxos de caixa desta
atividade para os próximos vinte anos com base no
levantamento dos respectivos custos e estimação das receitas
para os três equipamentos representativos das alternativas de
investimento. Analisaram-se as alternativas pelos métodos do
Valor Presente Liquido (VPL) e da Taxa Interna de Retorno
(TIR). Como parâmetro de viabilidade utilizou-se a Taxa
Mínima de Atratividade (TMA) representada pela taxa de
aplicação no mercado financeiro, descontada a inflação medida
pelo índice IGP–DI (FGV).

The article provides an analysis of the economic feasibility of
small and medium transportation companies to road-transport
the soya grown in the State of Paraná. The alternative of
investing in one of the three most favored equipments in this
activity was examined against the option of investing in the
financial market. The cash flow of this activity was projected for
the next twenty years on the basis of the analysis of the costs
and the estimate of the revenue of the three significant
equipments of the investment alternatives. The alternatives
were analyzed by means of the methods of the Net Present
Value (NPV) and of the Internal Rate of Return (IRR). As for the
feasibility standard, the Minimum Rate of Attractiveness
represented by the application tax in the finance market was
applied, provided that the inflation rate, as measured by the
General Price Index (IGP-DI (FGV)), is deducted.


Texto completo:

PDF

Referências


CASTRO NETO, J.C.P. Curso de matemática financeira. Curitiba: FESP, 2002. Apostila. Disponível em

http://www.fesppr.br/~candido/Producao_Tecnica/MATFI03.pdf. Acesso em 19/08/2005.

GALESNE, A.; FENSTERSEIFER, J.E.; LAMB, R. Decisões de Investimentos da Empresa. São Paulo: Atlas, 1999.

HIRSCHFELD, H. Engenharia Econômica e Análise de Custos. São Paulo: Atlas, 1998. 6 ed.

JORNAL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO DE CARGAS ONLINE. Polêmica sobre Bi-trem será discutida no 2º Congresso da ABTC. Disponível em http://www.guiadotrc.com.br/noticias/not.asp?areas=&id=1596. Acesso em 19/08/2005.

MADERNA LEITE, J.G. Subsídios para a otimização das atividades dos transportadores autônomos e das empresas de transporte de cargas. Curitiba, 1995. Tese (Concurso para Professor Titular de Planejamento de Transportes) - Departamento de Transportes do Setor de Tecnologia, Universidade Federal do

Paraná.

MARTINS, E. Contabilidade de Custos. São Paulo: Atlas, 1998.

MAWAKDIYE, A. Rodas da Fortuna. Revista Problemas Brasileiros. São Paulo, ano XLII, n. 364, p 11, julho/agosto 2004. (ISSN 0101-4269).

SALVATORE, D. Microeconomia. São Paulo: McGraw-Hill, 1989.

UFRS. Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Escola de Engenharia, Programa de Pós-Graduação em Engenharia da Produção, Laboratório de Sistemas de Transportes. Avaliação do Impacto de Concessões nas Rodovias do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: UFRS, 1998.


Apontamentos